Quando a Bela Domou a Fera - Resenha

12 Comentários A+ a-

Oi Povo, tudo bem?
Hoje vamos falar de “Quando A Bela Domou A Fera” da autora Eloisa James, lançado pela Editora Arqueiro no mês de Março. Eloisa foi indicada pela super diva Júlia Quinn, isso é luxo, né? A própria Júlia gravou um vídeo falando dessa indicação quando esteve aqui no Brasil.

Linnet Berry Trynne é considerada uma das mulheres mais linda da sua temporada, mas nem isso impediu que a desgraça chegasse em sua reputação. Ou melhor, foi sua beleza que jogo sua reputação na lama. O príncipe Augustus Frederick, duque de Sussex, era amigo de Linnet e declarava a todos que estava apaixonado por ela. Até que um dia ele a beijou e a baronesa Buggins a maior fofoqueira de Londres os viu, e assim sua reputação foi jogada no lixo. Para piorar ainda mais sua situação ela vai ao um baile onde passa mal por ter comido um camarão estragado e vestiu um vestido que a deixa com a aparência de grávida, então o escândalo fica maior ainda. E o duque de Sussex que até então gritava que a amava simplesmente a abandona sozinha.
Seu pai o visconde de Sundon, fica enlouquecido sem saber o que fazer, até que sua tia Zenobia tem uma ideia brilhante. Ela lembra que o duque Windebank (Cornelius Yelverton) está louco atrás de uma esposa para filho, uma mulher grávida é a escolha perfeita devido ao problema do seu filho. Com isso pai de Linnet sai atrás do duque para negociar sua filha, mesmo sabendo que o apelido do filho do duque é Fera.

É assim que Linnet vai parar sozinha num castelo no País de Gales, noiva de um homem que ela não tem ideia de como é e nem como ele irá tratá-la. Mas, pelo menos ela vai ficar longe de todo aquele escândalo. Ao chegar no castelo ela se surpreende ao conhecer Piers, ele não é feio, mas também não é bonito. Porém uma coisa que ninguém pode negar é que ele é extremamente grosseiro como se não soubesse conviver em sociedade.

“O que havia de belo em seu pai era bruto nele; seus olhos eram azuis, mas gelados, como um inverno rigoroso. Ele não parecia civilizado. Ninguém colocaria aquele rosto em uma moeda, romana ou qualquer outra. Ele parecia muito grosseiro...muito...muito feroz, percebeu ela de repente.” Pág: 60.

A partir daqui tudo que eu contar pode ser considerado spoiler sério, então vou falar um pouco dos personagens que tanto amei.

Linnet não é aquelas mocinhas indefesas e envergonhada, muito pelo contrário é super inteligente, ama ler e tem um coração enorme. Ela sempre procura ver o lado bom das pessoas mesmo aqueles que não dão valor a ela da maneira que deveriam. O que achei mais engraçado é que ninguém entende porque ela lê tanto, então mega me identifiquei!! Rsrs

“- Ninguém gosta de moças que têm mais cérebro que cabelo, mas, por outro lado, nunca ouvi falar de alguém que tenha subido na vida que leia como milady.” Pág: 91.

Piers é extremamente grosso, mas confesso que o amei porque ser grosso significa ser malvado. Ele não trata todo mundo com pena ou com medo de magoar a pessoa, às vezes isso pode ser a melhor coisa para acontecer na vida de alguém. Sem falar que durante o livro descobrimos várias coisas que nos fazem entender melhor o personagem. Os pais de Piers, também foram uma grande surpresa. Cada um tem uma personalidade marcante e super bem construída.

“- Um médico totalmente maluco - esse sou eu - e uma beldade terrivelmente conivente - essa é você -, mancando juntos rumo a uma vida de felicidade? Duvido muito. Você tem lido contos de fadas demais.” Pág: 64.

Fazendo uma pequena observação com a realidade da vida com a literatura:
A maioria das pessoas não enxergava a inteligência de Linnet porque só ser linda já bastava e não é muito diferente do que presenciamos atualmente, se a pessoa é linda e sabe tirar selfie bem, vira celebridade da noite para o dia.

Tem uma fase do livro em que o que a beleza interior realmente é o mais importante e é nesse instante que Linnet mesmo se questiona. Coisa que não é muito diferente do que vivemos hoje, afinal quando estamos uns quilinhos acima do peso a primeira coisa que vem na cabeça é nossa como estou feia.

Enfim quem disse que a vida não imita a arte? Rsrs

Resumindo indico a leitura para quem quer um romance de época leve, envolvente, quente e marcante.

Avaliação:

Ficha Técnica
Título: Quando a Bela Domou a Fera
Autor: Eloisa James
Editora: Arqueiro
Páginas: 320

Conteúdo Especial:

Eu sou a Iris, não sou a deusa greco/romana das mensagens, mas bem que eu gostaria! Sou pós-graduada em Análise de Sistemas. Adoro minha profissão e tudo que é relacionado a tecnologia, mas meus grandes amores são meus livros e meu super cão Bethoven - O Magnífico. Acho, sinceramente, que a vida não teria graça sem livros. Afinal, viver uma só vida não me bastaria. Não posso esquecer de dizer que adoro uma boa conversa, principalmente se tiver livros no assunto.

12 comentários

comentários
Luisa Aranha
Autor
18 de abril de 2017 07:10 delete

Fiquei na dúvida se é uma releitura... mas achei a premissa muito interessante. O fato da mocinha não ser uma menininha boba também é interessante. Precisamos de mais protagonistas femininas fortes!

Bjos

Responder
avatar
19 de abril de 2017 01:45 delete

Olá
Uau a autora deve ter ficado muito feliz de ter uma diva do gênero indicado o livro dela, e que bom que você concordou que o livro é ótimo, tem alguns autores que parecem ter o dedo podre para indicações.
No caso do livro, acabei não me sentindo muito atraída, quem sabe mais para frente.

Responder
avatar
Manoel Alves
Autor
19 de abril de 2017 08:32 delete

Olá
Eu achei a premissa dessa obra muito interessante mas acabei nem solicitando a obra e fiquei arrependido depois kk. A capa nacional ficou muito bela e sua resenha me deixou mais ainda curioso para lerá obra
Até mais ver

Responder
avatar
Suzzy Chiu
Autor
19 de abril de 2017 09:50 delete

Heiii, tudo bem?
Terminei de ler ontem e morri de tanto amor.
Eu chorei com o reencontro, amei demais a historia e superou todas as minhas expectativas.
Uma pena que essa capa seja horrorosa, ainda acho que nao condiz com o tanto que a historia é linda.
Recomendo mto.
Beijos.

Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

Responder
avatar
19 de abril de 2017 10:38 delete

Olá,

Sempre gostei de releituras do clássico 'A Bela e a Fera' e por isso estou muito ansiosa para ler este livro, gostei muito da sua resenha e me deixou ainda mais animada.

Abraços,
Cá Entre Nós

Responder
avatar
19 de abril de 2017 11:49 delete

Olá linda,

Eu estava louca para ganhar esse livro no Encontro de Romance de época e quase choro quando o rapaz perto de mim ganhou haha
Quero muito ler esse livro por causa dos dois personagens que podem muito bem se encaixar no perfil de muitos de nós, hoje na atualidade e a discussão levantada no livro é extremamente relevante.

Beijos!

Responder
avatar
Leticia Golz
Autor
20 de abril de 2017 14:36 delete

Oi, Iris
Vejo que todos estão falando desse livro, nem sabia que até a Julia Quinn tinha falado rs
Que legal, fico feliz que tenha gostado. Amo o gÊnero e adorei saber que é bom. Com certeza uma ótima dica, ainda quero ler.


Blog Livros, vamos devorá-los

Responder
avatar
20 de abril de 2017 20:08 delete

Oie! Eu li a versão portuguesa deste livro e gostei muito do estilo da autora e da forma como ela tratou os personagens. Queria muito ler o restante da série e fiquei muito feliz por ela ser publicada no Brasil pela Arqueiro. Que bom que você gostou! Sempre bom quando encontramos autoras que sabem nos emocionar. Abraços!

Responder
avatar
21 de abril de 2017 13:15 delete

Oiee, eu realmente quero muito ler esse livro, porém ja li um da autora e não gostei nadinha, ai fiquei com medo de acabar não gostando desse também!

bJS

Responder
avatar
21 de abril de 2017 13:43 delete

Olá Iris,
A Bela e a Fera é meu conto favorito da Disney e todas as adaptações estão na lista, só falta oportunidade. Gostei de conhecer suas impressões, de ver que você gostou e de você ter lido que o livro mostra que a beleza interior é a mais importante mesmo.
Vou anotar a dica sem dúvidas.
Beijos

Responder
avatar
21 de abril de 2017 13:51 delete

Olá! É a primeira vez que leio a resenha desse livro e gostei bastante da premissa. Ficou muito boa a forma como a escritora desenvolveu a releitura, ficou impressionante! Beijos!

Responder
avatar
Carla
Autor
21 de abril de 2017 17:25 delete

Oie!
EU ainda não iniciei a leitura do livro, mas espero fazer isso em breve.
Ainda não li nada da autora, mas já li vários elogios sobre as obras da mesma.
Acredito que vou gostar dessa história.
Bjks!
Histórias sem Fim

Responder
avatar