Pular para o conteúdo principal

Resenha - A Ún1ca Filha


Uma adolescente de 17 anos, que levava uma vida quase perfeita, desaparece misteriosamente após alguns episódios estranhos acontecerem. 11 anos depois, uma fugitiva resolve tomar o lugar de Rebecca Winter, dizendo que foi sequestrada e que agora conseguiu escapar do cativeiro.

Em “A Ún1ca Filha”, Anna Snoekstra narra uma história recheada de suspense, mostrando uma criminosa que tenta tomar a vida de uma adolescente outrora desaparecida, tentando se infiltrar na família de Bec e no seu círculo de amizades, enquanto foge da investigação policial. Por outro lado, em capítulos intercalados, vemos a verdadeira Rebecca passando pelos acontecimentos sinistros que a levam ao desaparecimento.
O problema, é que tanto Rebecca, quanto a impostora demoram a perceber de onde vem o real perigo para suas vidas. Afinal, “seu lar pode ser o lugar mais perigoso de todos”, como já diz a capa do livro.

A trama começa bem interessante e rapidamente o leitor é fisgado pela ansiedade de saber o que aconteceu com Bec e o que acontecerá com a impostora. Porém, embora o livro seja curto, essa ansiedade não dura muito tempo... A partir da metade do livro, a história começa a se arrastar e ao invés de se aprofundar nos personagens, distribui suspeitas rasas entre eles, o que pode deixar o livro um pouco irritante em certo ponto. Outra coisa que não achei muito legal é quando fica fácil de descobrir quem está por trás da história toda. As pistas meio que ficam óbvias demais...

O final não é dos melhores, embora tenha a confirmação de uma surpresa legal, que o leitor fica esperando durante o decorrer das páginas. Como esperado, a autora também usa alguns clichês que são comuns em livros desse tipo, como o fato de deixar algumas coisas em aberto, cabendo ao leitor ligar as pontas e até mesmo supor algumas coisas.

“Ninguém desaparecia de fato. Você sempre continuava existindo em algum lugar.”

“A Ún1ca Filha” não é um livro ruim, mas talvez tenha sofrido um pouco mais que o merecido em minhas mãos, devido ao meu costume com thrillers e histórias policiais, além de ter me feito criar muitas falsas expectativas com esse lance de dupla identidade. Então se você também gosta desse tipo de leitura, eu não recomendo muito esse livro. Mas para quem não acompanha muito esse ramo de narrativas, a promessa do título é bastante eletrizante!

Avaliação: nota 3

Ficha Técnica:
Título: A Ún1ca Filha
Autor: Anna Snoekstra
Editora: HarperCollins
Páginas: 256

Comentários

  1. Estou lendo esse livro é até o momento me corroendo porque a história me deixa as cegas para saber o porque fez ter desaparecido...
    ~Um livro, por favor?

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Eleanor & Grey - Resenha

Oi Povo, tudo bem? Todo mundo que acompanha o blog sabe que sou mega fã de Brittainy C. Cherry, então quando vi que a caixa do “clube da Carina Rissi” vinha com o livro “Eleanor & Grey" e os marcadores de todos os livros da autora lançado aqui no Brasil, fiquei LOUCA. Graças ao bons Deuses dos livros, a Editora disponibiliza a caixa de maneira avulsa e consegui comprar essa lindeza! Rsrs. Sabe aquele tipo de livro que quando você termina, seus pensamentos são: “Obrigada Deus por eu amar ler! Obrigada por livros assim! Que lição de vida! Que autora maravilhosa!!". Quando terminei mandei uma foto da minha cara inchada de tanto chorar para Helyssa (voocomlivro) e Anastacia (notasliterarias_), falando que não estava sabendo lidar com tantos sentimentos. Eleanor, é uma adolescente que ama ler, não é muito social e ainda usa aparelho nos dentes, essa junção é o bastante para chamarem ela de esquisita ou sorriso metálico. Ela nem liga muito para esses comentários, Eleano

Talvez Agora - Resenha

  Oi Povo, tudo bem? Hoje vamos falar de "Talvez Agora”, que é continuação de "Talvez um dia” de Colleen Hoover lançado no ano passado pela Galera Record. Sou muito fã da autora e quando terminei “Talvez um dia”  fiquei sem saber o que fazer da vida porque eu não estava acreditando que a história terminava daquela maneira. Fiquei tão revoltada que comprei “Talvez Agora” no lançamento, mas levei meses para criar coragem e voltar para aquele universo. Vocês também são assim? HAHAHA. Espero sinceramente não ser a única!! HAHAHA. Ridge e Sydney, depois de tanto tempo, estão namorando. Sydney finalmente se sentiu segura para começar algo mais com Ridge. Ele por sua vez parece estar nas nuvens porque finalmente eles poderão viver um amor sem culpa e do jeito que sempre sonharam. Porém, isso não significa que tudo vai ocorrer nas mil maravilhas, afinal Ridge e Warren são as únicas pessoas no mundo que Maggie pode contar, e esse detalhe pode mudar tudo.  Maggie sabe que tem fibrose c