Pular para o conteúdo principal

Harry Potter e a Ordem da Fênix - Um Livro Para Recordar


Oi Povo, tudo bem?
Hoje vamos falar de Harry Potter e a Ordem da Fênix, vamos às comparações?

- Adolescente -> Foi o livro que menos gostei, pois acha que Harry estava sendo um adolescente insuportável. Nós tínhamos a mesma idade na época então eu era uma adolescente chata, agora realizem eu achando ele passando dos limites? Rs. Passei metade do livro revirando os olhos e pensando: “Controle-se!!”. Chorei demais com a morte do Sirius, não conseguia entender porque J.K fez isso. Terminei o livro com tanto medo de quem mais poderia morrer nos próximo que nem sabia se queria ler os outros!

- Adulta -> Nem achei Harry tão chato assim, o coitado sofre tanto e sempre tenta ajudar todo mundo que achei normal ele pirar às vezes!! Se ele não surtasse de vez em quando com tanta responsabilidade, ele não seria tão humano. Uma das partes que mais me emociono do livro foi o natal de Harry e Sirius, hoje consigo observar que era uma despedida e confesso que caíram umas lágrimas. No final quando Dumbledore explica ao Harry porque andou tão afastado, aí que elas lágrimas terminaram de cair. Harry, apesar de tanto sofrimento é muito amado por aqueles que lhe cercam e essa sem sombra de dúvidas é a sua maior diferença para o Lord das trevas.

“Desafio qualquer um que tenha observado você como eu - e eu tenho observado mais atentamente do que você pode ter imaginado - a não querer lhe poupar mais dor do que você já tem sofrido. Que me importavam as inúmeras pessoas e bichos sem nome nem rosto sacrificados em um futuro difuso, se no aqui e agora você estava vivo, bem e feliz? Nunca sonhei que seria responsável por alguém assim.”  

Ficha Técnica
Título: Harry Potter e a Ordem da Fênix
Autor: J.K.Rowling
Editora: Rocco
Páginas: 704

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Indomável - Resenha

Oi Povo, tudo bem? Hoje vamos falar de "Indomável", último livro da trilogia "Damas Rebeldes", da autora Julia Quinn, lançado pela Editora Arqueiro. Finalmente cheguei no livro de William Dunford! HAHHAA. Ele aparece nos livros anteriores " Esplêndida " e " Brilhante ", e deixa nós leitores apaixonados e doidos para conhecer ainda mais esse personagem libertino tão charmoso! HAHAHA. Ele fica completamente chocado quando descobre que herdou um título e uma propriedade na Cornualha. Dunford, viaja imediatamente para conhecer a propriedade que ele herdou, o que ele não imaginava é que encontraria uma mulher administrando a propriedade e que ela se tornaria sua responsabilidade junto a herança do título.  "Belle bateu palmas. Que fantástico! Dunford acabara de receber uma herança inesperada. Ela torcia para que fosse algo bom. Uma de suas amigas tinha acabado de herdar, a contragosto, 37 gatos. " Pág: 12. Henrietta Barrett, ou apenas Henry,

Long Shot - Resenha

  Oi Povo, tudo bem? Hoje vamos falar de “Long Shot” primeiro livro da série Hoops, da autora Kennedy Ryan, lançado pela Editora The Gift Box. Esse livro mexeu tanto comigo que demorei meses para me sentir segura em escrever essa resenha. A história de August e Iris, é muito surpreendente, mas isso não significa que ela é leve. Minha xará passa por cada situação que nenhum ser humano deveria passar, mas ainda bem que existem pessoas como August. Ele é simplesmente sensacional e ela é uma mulher extremamente forte. Deu para perceber que me encantei pelo casal, né? Rsrs. Iris e August se conhecem num barzinho de um hotel e a conversa dos dois acontece de maneira natural e encantadora, eles acabam conversando sobre assuntos que não assumem para quem conhecem a anos, mas parece que abrir o coração é algo natural entre eles. O problema é que tudo que é bom dura pouco e a noite acaba, e ambos tem que voltar para a vida normal. “Eu fico parado, absorvendo o som de seu nome, absorvendo o olhar