A Protegida - Resenha

21 Comentários A+ a-

Oi Povo, tudo bem?

Hoje vamos falar de “A Protegida”, um livro que me surpreendeu e entrou para minha lista de favoritos. Sou fã de Lisa Kleypas desde que li a série “Os Hathaways” lançada pela Editora Arqueiro, mas em “A Protegida” conheci uma Lisa bastante diferente, e devo dizer que amei da mesma maneira.

Liberty Jones perdeu o pai com apenas 4 anos e sua mãe parece ter ficado com o dedo podre, ela simplesmente não consegue encontrar nenhum namorado decente depois que ficou viuva tão jovem.

“Ela era uma mulher linda, ainda que não fosse feliz, e atrair um homem não era o problema. Segurá-lo, contudo, era algo diferente.” Pág: 5.

Quando completou 13 anos, a mãe de Liberty finalmente encontrou alguém que desejava ficar por um tempo, mudando assim para o estacionamento de trailers, mas conhecido como “Rancho Flor do Texas”, na cidade de Welcome. Flip não era um exemplo de homem e muito menos de pai de família, mas pelo menos fazia a mãe de Liberty sorrir as vezes, aquelas risadas eram tão raras que Liberty tinha vontade de guardar aquele precioso som e ouvir sempre.

Logo no primeiro dia em Welcome, ela conhece Hardy Cates e logo se apaixona, afinal ele é o sonho de toda adolescente. A vida de Liberty não é nada fácil, pois ela e a mãe vivem contando moedas para sobreviver, mas o que a consola é que pelo menos ela tem a amizade do seu grande amor. Liberty também fica bem próxima da família Cate, tornando assim Hannah a irmã mais nova de Hardy sua melhor amiga. Hardy, até gosta de Liberty, mas não permite maiores aproximações, pois ele não quer nada que o prenda aquela cidadezinha infeliz. Ele quer subir muito na vida e seu amor por ela só irá atrapalhar seus sonhos.
Depois de algum tempo a mãe de Liberty descobre que está grávida, claro que a notícia é boa, mas isso significava mais uma boca para sustentar.

“Eu queria ajudar, não por causa da mamãe, mas porque eu amava Carrington de paixão. Eu amava tudo nela, a pele sedosa de bebê e os cachos claros, o modo que ela espalhava água no banho, parecida uma sereia bebê. ” Pág: 65
A vida de Liberty toma um rumo inesperado e ela passa ser mais que irmã de Carrington, depois da rejeição de sua mãe com a bebê. Confesso que fiquei com muita pena dela, mas nada é tão complicado que não possa piorar não é mesmo?

A segunda parte do livro é um divisor de águas na vida de Liberty, a mãe dela morre num acidente de carro deixando ela e sua irmã sem família e sem dinheiro. Para piorar tudo Hardy decide deixar Welcome para ir atrás do sonho de ser melhor.

“Por que a vida é tão difícil para alguns e não para os outros? Por que algumas pessoas têm que lutar tanto?” Pág: 91.
Não quero soltar spoiler, mas preciso dizer que Liberty é uma verdadeira guerreira em nenhum momento ela desiste de sua irmã e de ter uma vida decente.
Como a vida tem surpresas boas também ela acaba virando amiga do magnata Churchill Travis e esse amizade lhe trará esperança de dias melhores. O único problema é que nem todos da família Travis ficam felizes com essa amizade e aí muita coisa acontece e não posso contar.

“Acontece que meu relacionamento com Churchill se tornou algo muito mais complexo que uma relação romântica”. Pág: 143.
Ahh não posso deixar de comentar, uma das personagens que mais amei foi a Srta Marva, a amizade e o amor que ela tem por Liberty é algo simplesmente lindo e todo mundo deveria ter uma amigo assim. 

Avaliação:
Ficha Técnica
Título: A Protegida
Série: The Travis Family #01
Autor: Lisa Kleypas
Editora: Gutenberged
Páginas: 288

Comprei aqui:

Eu sou a Iris, não sou a deusa greco/romana das mensagens, mas bem que eu gostaria! Sou pós-graduada em Análise de Sistemas. Adoro minha profissão e tudo que é relacionado a tecnologia, mas meus grandes amores são meus livros e meu super cão Bethoven - O Magnífico. Acho, sinceramente, que a vida não teria graça sem livros. Afinal, viver uma só vida não me bastaria. Não posso esquecer de dizer que adoro uma boa conversa, principalmente se tiver livros no assunto.

21 comentários

comentários
20 de junho de 2016 09:35 delete

Ai acho que não existe livro da Lisa que não seja lindo não e mesmo?
Eu ainda não li este, mas espero logo poder me deliciar com ele. Ótima resenha.

Beijos

Responder
avatar
20 de junho de 2016 11:28 delete

Eu quero muito ler esse livro, sou louca pelo trabalho da Lisa e quero conhecer sua pegada nos romances contemporaneos tbm, mas ainda nao tive a oportunidade. E a primeira resenha que leio e so confirmou a minha vontade de conhecer essa trama.

Raissa Nantes

Responder
avatar
20 de junho de 2016 14:20 delete

Esse livro! Há meses venho namorando ele nas vitrines e sites, e sua resenha só conseguiu me deixar mais empolgada! Tenho certeza que irei amar também, adoro dramas assim *-* Sua resenha ficou ótima!!
Beiijos

Responder
avatar
20 de junho de 2016 14:22 delete

Olá
Nossa que vida mais desgraçada credo, nunca fui muito de dramas, estou aprendendo a gostar ainda, mas acho que esse é drama demais para mim, vou passar a dica por enquanto.
Beijos

Responder
avatar
20 de junho de 2016 20:17 delete

Olá
Adoro a autora e esse livro realmente é muito bonito.
Gostei muito da sua resenha.
Bj

Responder
avatar
20 de junho de 2016 21:23 delete

Eu estou muito curiosa com esse livro, achei a capa linda e a trama parece ser maravilhosa. Gostei de ver a sua opinião sobre a obra e espero ler em breve e poder matar a minha curiosidade.

Responder
avatar
21 de junho de 2016 06:46 delete

Muito boa a premissa, mas nunca tinha ouvido falar dessa obra, ja estou curioso pra ler e marcar na lista dos desejados. Ahhh só aumentando a fila de livros e nada de dinheiro pra comprar kkkk.

Responder
avatar
21 de junho de 2016 06:48 delete

Oiii Iris, tudo bem?
Morro de vontade de ler esse livro e conhecer cada personagem, confesso que nunca havia lido nenhuma resenha da obra e com a sua só aumentou meu interesse, parece que os personagens são uns amorzinho. Amei.
Beijinhos

Responder
avatar
21 de junho de 2016 11:35 delete

Oi,tudo bem?
Conhecia esse livro somente de capa e não sabia qual era a premissa dele, achava inclusive que fosse algo de época, mesmo a capa não transparecendo isso. Devo dizer que fiquei encantada e louca pra ler essa história que parece ser emocionante. Ainda não li nada da autora mas acho que seria uma boa maneira de começar.
Beijos!

Responder
avatar
21 de junho de 2016 11:45 delete

Olá,

Eu iniciei essa leitura mas acabei não dando prosseguimento. Agora com a sua resenha fiquei tentada a voltar ao mundo da Liberty e concordo plenamente em ela ser uma guerreira. Fico feliz que você tenha gostado tanto do livro.

Abraços
oblogcaentrenos.blogspot.com.br

Responder
avatar
Vitor
Autor
21 de junho de 2016 12:19 delete

Oi!
Não tinha ouvido falar sobre o livro ainda, mas gostei da premissa! Vou anotar a dica aqui, mais um para a lista interminável =D Adorei a resenha. Fico feliz que gostou do livro. Melhor coisa que tem é ler um livro bom <3
Abraço!

Responder
avatar
23 de junho de 2016 15:13 delete

Oi, Iris!
Eu sou completamente apaixonada pela escrita da Lisa Kleypas, amo de paixão, mesmo!
Ainda não tive a opotunidade de ler esse livro (leia-se faltou grana! kkkk), mas assim que der, pretendo lê-lo, pois só tenho visto críticas positivas e também porque estou curiosa para conferir um livro da Lisa que não seja histórico.

Beijos!

Books and Movies
www.booksandmovies.com.br/

Responder
avatar
24 de junho de 2016 07:17 delete

Ah, como eu quero..
Eu sou louca p ler algo da Lisa..
e esse livro, essa capa... ai ai ai ..
bjs

Responder
avatar
Livros & Tal
Autor
24 de junho de 2016 13:14 delete

Oie!!
Nossa eu não conhecia esse livro da Lisa, olha a louca aqui achando que ela só tinha os livros da série Hathaways! haha
Achei muito bonita a premissa do livro e fiquei muito curiosa. Anotei o nomezinho dele aqui na minha lista.

beijos
Mayara
Livros & Tal

Responder
avatar
25 de junho de 2016 17:28 delete

oi

sabe que eu não li nada da autora ainda???

gostei desse, achei super interessante e vc favoritou...dica anotada!!!

bjs

Responder
avatar
27 de junho de 2016 10:20 delete

Olá, tudo bem?
Nunca li nada dessa autora, Lisa Kleypas, mas posso dizer que você conseguiu despertar o meu interesse pelo modo como você conduziu essa resenha. Já coloquei o nome do livro na minha lista de 2016 e espero gostar dele, tanto quanto
você gostou.
Abraços
www.viciadosemleitura.blog.br

Responder
avatar
28 de junho de 2016 03:14 delete

Olá!
Eu amo os livros da Lisa. Quando vi que ela tinha escritos um livro que não era Romance de Época já fiquei empolgada, pois iria ver mais uma lado dessa escritora. Pela sua resenha sei que vou amar esse livro e agora estou mais ansiosa ainda para ler.
Adorei a sua dica.
Beijinhos!

Responder
avatar
3 de julho de 2016 18:07 delete

Nunca li nada da Lisa Kleypas, mas tenho vontade, pois ouço tantos elogios que não dá para ficar indiferente ao seu trabalho. Gostei muito da premissa desse livro, talvez até eu comesse a conhecer o universo da autora por ele, embora já tenha outros títulos dela anotados.

Tatiana

Responder
avatar
Daya Maciel
Autor
4 de julho de 2016 16:20 delete

Oi,
Nosssaaaaa que história maravilhosa
Nunca li nada da autora, mas quero acabar com isso urgente.
Parabéns pela resenha
Dica anotada, tenho certeza que vou favoritar

Responder
avatar
4 de julho de 2016 16:35 delete

Ainda não fiz essa leitura, mas conheço o trabalho da Lisa e leria até a lista de supermercado dela se pudesse.

http://laoliphant.com.br/

Responder
avatar
6 de julho de 2016 08:14 delete

Olá, não conhecia essa obra. Sempre vejo críticas positivas sobre o trabalho da autora. Pretendo conferir seu trabalho em breve. Parabéns pela resenha.

Abraços

Responder
avatar