Pular para o conteúdo principal

O caminho para casa - Resenha

Olá galera! Como vocês estão?

Hoje eu trago para vocês a resenha de O Caminho para casa de Kristin Hannah. Recebi o livro em parceria com a Editora Arqueiro, e agradeço imensamente por mais esse livro incrível, kristin me encanta e emociona a cada livro, tanto que esperei um dia para começar a escrever a resenha, estava seca de tanto chorar.
O livro é dividido em duas partes e se passa no decorrer de dez anos, mais precisamente de 2000 à 2014. A narração em terceira pessoa é intercalada entre as duas protagonistas, Lexi e Jude.

Alexa ou Lexi, é uma jovem de 14 anos que passou anos pulando entre lares adotivos temporários, sua mãe era uma drogada que entrava e saia da reabilitação ou da prisão. Cada vez que Lexi começava a se acostumar com uma casa ou família nova, quando ela deixava que aquela pontinha de esperança crescesse dentro dela, a mãe voltava limpa e implorava uma segunda chance ao juiz e lá ia ela outra vez, arrumar as malas e se decepcionar. Quando sua mãe morre, a assistente social acaba achando uma tia-avó perdida e Lexi tenta desesperadamente não deixar a esperança tomar conta dela, mas dessa vez ela pode ser feliz.

- Desculpe-me pelo cheiro. Parei de fumar na semana passada, quando soube de você - disse a tia Eva, voltando-se para olhar para Lexi. - Crianças e fumaça de cigarro não combinam, não é?Uma sensação curiosa tomou conta de Lexi. Era como o leve bater das asas de um passarinho, uma emoção tão estranha que ela não a reconheceu de imediato.Esperança.
Pág.: 15
Lexi vai morar com Eva e sua vida muda drasticamente, ela agora tem alguém que a ama e se preocupa com ela, um lar de verdade, e logo no primeiro dia da nova escola conhece aquela que vai ser sua melhor amiga para o resto da vida, Mia.

- Posso me sentar aqui com você?- Suicídio social - respondeu a garota, sem erguer a vista.- Quê?Ela tornou a olhar para cima.- É suicídio social se sentar aqui. Nem mesmo o pessoal do teatro anda comigo. Pois é. Drástico assim.- Quer dizer que não vamos entrar para o time das líderes de torcida? Que tragédia...Pela primeira vez a menina demonstrou interesse em Lexi. Deu-lhe um sorriso desajeitado.
Pág.: 26
Mia é uma solitária, menina fofa e insegura, na escola vive à sombra do seu irmão gêmeo popular, Zach. As duas são parecidas em muitas coisas e no decorrer dos próximos três anos irão desabrochar, se divertir e criar um laço de amizade, amor e companheirismo.

Judith ou Jude, é a mãe de Zach e Mia. Ela é mãe em tempo integral, sua vida gira em torno das necessidades dos filhos, sempre cuidando para que eles sejam felizes e tenham todas as melhores oportunidades na vida. Ela é uma mulher maravilhosa, que criou dois ótimos filhos e se torna uma segunda mãe para Lexi.

- Isto é para você - disse Lexi para Jude, sentindo o rosto ficar quente. Era uma lembrancinha tão pequena… Ela a encontrara no balcão de descontos da floricultura. Provavelmente iria pegar mal, mas era só o que Lexi podia pagar. - Eu sei que você não precisa de mais nada, mas eu olhei e… vi que você não tem petúnias, então pensei… Bom, obrigada pelo vestido.Jude sorriu.- Obrigada, Lexi.
Pág.: 62
Quando Zach e Lexi se apaixonam, os três (Zach, Lexi e Mia) se tornam uma unidade, totalmente inseparáveis. O último ano do ensino médio chega e com ele as festas e comemorações, e a cada saída noturna deixa Jude com os nervos à flor da pele, e seu marido Miles precisa cuidar para que ela acabe trancando os filhos em casa. Mas em uma noite tudo muda, depois de uma briga seus piores pesadelos se tornam realidade e o mundo fica cinza.

Jude se aproximou da cama e observou a menina que seu filho amava. Tudo parecia tão sem importância agora… A briga que tiveram por causa desse amor, a dúvida com as faculdades. Jude agiria de modo de modo diferente dali em diante. Eu prometo, Deus. Serei uma pessoa melhor. Mas proteja Mia, Zach e Lexi.
Pág.: 140
Eu queria poder continuar contando o que acontece com essas pessoas amorosas e maravilhosas, mas não posso. Daqui em diante você precisa decidir se quer ler esse livro, o que eu posso te dizer é que você não irá se arrepender. O caminho para casa é um livro comovente que descreve com doçura e profundidade sobre maternidade, esperança, amizade, amor e perdão, a pressão social, o certo e errado. Espero que decidam ler, gostem e me deixem aqui sua opinião.


Avaliação:

Ficha Técnica
Título: O caminho para casa
Autor(a): Kristin Hannah
Editora: Arqueiro
Páginas: 351

Comentários

  1. Fiquei com o coração na mão quando você disse que a partir de uma noite tudo toma uma direção diferente. Não pode! A Lexi finalmente está feliz, e com pessoas que ela ama. Que medo de descobrir o que acontece! Tenho certeza que vou ficar aos prantos que nem você quando for ler.

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todos os livros da Kristin me deixam assim, soluçando. Aposto que vc vai virar fã.

      Excluir
  2. Oi Anne, tudo bem? Acho linda a capa desse livro! Nunca li nada da Kristin Hannah, mas leio muitas resenhas positivas! A sua me despertou mais um pouco de curiosidade sobre a história! Parabéns pela resenha!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Mi. Espero que você tenha a oportunidade de ler algo dela e goste tanto quanto eu :D

      Excluir
  3. Fiquei apaixonada pelo livro, vc resenha livro que não são muitos divulgados, eu adoro isso 👏👏👏👏😍😍😍❤❤📚📚

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Indomável - Resenha

Oi Povo, tudo bem? Hoje vamos falar de "Indomável", último livro da trilogia "Damas Rebeldes", da autora Julia Quinn, lançado pela Editora Arqueiro. Finalmente cheguei no livro de William Dunford! HAHHAA. Ele aparece nos livros anteriores " Esplêndida " e " Brilhante ", e deixa nós leitores apaixonados e doidos para conhecer ainda mais esse personagem libertino tão charmoso! HAHAHA. Ele fica completamente chocado quando descobre que herdou um título e uma propriedade na Cornualha. Dunford, viaja imediatamente para conhecer a propriedade que ele herdou, o que ele não imaginava é que encontraria uma mulher administrando a propriedade e que ela se tornaria sua responsabilidade junto a herança do título.  "Belle bateu palmas. Que fantástico! Dunford acabara de receber uma herança inesperada. Ela torcia para que fosse algo bom. Uma de suas amigas tinha acabado de herdar, a contragosto, 37 gatos. " Pág: 12. Henrietta Barrett, ou apenas Henry,

Talvez Agora - Resenha

  Oi Povo, tudo bem? Hoje vamos falar de "Talvez Agora”, que é continuação de "Talvez um dia” de Colleen Hoover lançado no ano passado pela Galera Record. Sou muito fã da autora e quando terminei “Talvez um dia”  fiquei sem saber o que fazer da vida porque eu não estava acreditando que a história terminava daquela maneira. Fiquei tão revoltada que comprei “Talvez Agora” no lançamento, mas levei meses para criar coragem e voltar para aquele universo. Vocês também são assim? HAHAHA. Espero sinceramente não ser a única!! HAHAHA. Ridge e Sydney, depois de tanto tempo, estão namorando. Sydney finalmente se sentiu segura para começar algo mais com Ridge. Ele por sua vez parece estar nas nuvens porque finalmente eles poderão viver um amor sem culpa e do jeito que sempre sonharam. Porém, isso não significa que tudo vai ocorrer nas mil maravilhas, afinal Ridge e Warren são as únicas pessoas no mundo que Maggie pode contar, e esse detalhe pode mudar tudo.  Maggie sabe que tem fibrose c