Pular para o conteúdo principal

A série Conjurador


Acredito que todo leitor com seus vinte e tantos anos deve amar Harry Potter e O Senhor dos Anéis. Provavelmente aqueles que são GEEKs gostam de Pokémon também. Agora imagine tudo isso junto e misturado em uma aventura fantástica, porque a série Conjurador é exatamente isso e é dela que vamos falar hoje! Até o momento já temos 2 livros lançados, “O Aprendiz”, no ano passado, e “A Inquisição” que saiu algumas semanas atrás, ambos publicados pela Galera Record. O terceiro volume, “The Battlemage”, será lançado lá fora no próximo mês e ainda não tem previsão de chegar às livrarias aqui do Brasil. Uma curiosidade interessante é que o autor, Taran Matharu, está “mais próximo” de nós do que podemos imaginar, sua mãe é brasileira e seu pai é indiano, porém o escritor vive em Londres.

Quando vi o primeiro livro, O Aprendiz, logo fui atraído pela capa que me lembrou muito um personagem de RPG, daí quando li a sinopse, me arrisquei a tê-lo em minhas mãos. Uma ótima escolha porque o livro me surpreendeu bastante! A promessa de “Conjurador” é a de uma narrativa sobre um rapaz órfão e injustiçado que, juntamente com seus amigos, irá viver altas aventuras na escola de magia Vocans até cair dentro de uma épica guerra mágica contra os orcs.

Talvez você até tenha ouvido falar sobre essa série e saiba que é um infanto-juvenil e, por isso, venha questionar a minha razão de ter gostado dela. Bom, isso é simples de explicar, porque se você, como eu, acompanhou os lançamentos de Harry Potter na adolescência, não vai conseguir deixar de enxergar Harry em Fletcher, nosso protagonista, e até mesmo a Academia Vocans como uma versão de Hogwarts. Mas isso ainda não é tudo! Lembra de Tolkien e as criaturas de O Senhor dos Anéis? Classes de humanos, orcs, goblins, gremlins, elfos e anões? Eles também estão todos nessa série, juntamente com criaturinhas (demônios que são conjurados) que você provavelmente acabará comparando com os monstrinhos de Pokémon. E se isso tudo ainda não te convenceu, encaixe essas peças em um cenário de guerra, com conflitos políticos e também diferenças entre as raças, com mais um pouco de briga que envolve feitiços e lutas, sério, é impossível não se viciar pelas páginas!

Como o livro se trata de uma obra para o público mais novo, Matharu foi excelente em montar uma narrativa bem leve, que flui bem e não cansa o leitor. Em alguns pontos os leitores mais velhos podem acabar sentindo falta e desejando a profundidade de algumas coisas que realmente ficam bem rasas, mas como eu disse, isso é normal porque o livro foi feito para a garotada. Então, dependendo da sua idade, a série Conjurador provavelmente não trará nada de novo ao seu universo literário, mas renovará sua dose de nostalgia, com uma leitura bastante agradável, ótima para curar aquelas ressacas literárias. Por outro lado, se você é adolescente, embarque na fantasia desses livros que com certeza você tomará um ótimo gosto pela leitura.

Comentários

  1. Adoro Harry Potter mas não gostei da resenha. Indiquei os dois livros para o meu namorado, ele vai adora é bem gênero que ele gosta

    ResponderExcluir
  2. os livros são muito bons mesmo. super recomendo.

    ResponderExcluir
  3. oi , também li essa serie , e amei a descrição que você dá a ela. o que eu gostei principalmente nessa serie e o dinamismo e a fluidez como você consegue lê-la, o desenvolver da historia, alem de como o autor nos prende com as batalhas e discussões.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Eleanor & Grey - Resenha

Oi Povo, tudo bem? Todo mundo que acompanha o blog sabe que sou mega fã de Brittainy C. Cherry, então quando vi que a caixa do “clube da Carina Rissi” vinha com o livro “Eleanor & Grey" e os marcadores de todos os livros da autora lançado aqui no Brasil, fiquei LOUCA. Graças ao bons Deuses dos livros, a Editora disponibiliza a caixa de maneira avulsa e consegui comprar essa lindeza! Rsrs. Sabe aquele tipo de livro que quando você termina, seus pensamentos são: “Obrigada Deus por eu amar ler! Obrigada por livros assim! Que lição de vida! Que autora maravilhosa!!". Quando terminei mandei uma foto da minha cara inchada de tanto chorar para Helyssa (voocomlivro) e Anastacia (notasliterarias_), falando que não estava sabendo lidar com tantos sentimentos. Eleanor, é uma adolescente que ama ler, não é muito social e ainda usa aparelho nos dentes, essa junção é o bastante para chamarem ela de esquisita ou sorriso metálico. Ela nem liga muito para esses comentários, Eleano

Talvez Agora - Resenha

  Oi Povo, tudo bem? Hoje vamos falar de "Talvez Agora”, que é continuação de "Talvez um dia” de Colleen Hoover lançado no ano passado pela Galera Record. Sou muito fã da autora e quando terminei “Talvez um dia”  fiquei sem saber o que fazer da vida porque eu não estava acreditando que a história terminava daquela maneira. Fiquei tão revoltada que comprei “Talvez Agora” no lançamento, mas levei meses para criar coragem e voltar para aquele universo. Vocês também são assim? HAHAHA. Espero sinceramente não ser a única!! HAHAHA. Ridge e Sydney, depois de tanto tempo, estão namorando. Sydney finalmente se sentiu segura para começar algo mais com Ridge. Ele por sua vez parece estar nas nuvens porque finalmente eles poderão viver um amor sem culpa e do jeito que sempre sonharam. Porém, isso não significa que tudo vai ocorrer nas mil maravilhas, afinal Ridge e Warren são as únicas pessoas no mundo que Maggie pode contar, e esse detalhe pode mudar tudo.  Maggie sabe que tem fibrose c