Pular para o conteúdo principal

Os Mistérios de Sir Richard - Resenha

E aí galera, já passamos da metade do ano, como vão as listas de leituras de 2018? Em dia, atrasadas, ultrapassando as metas rsrsrs

É triste admitir que li muito pouco e nem acredito que demorei tanto para terminar uma série da Julia, mas ando atarefada. Enfim cheguei ao último volume do Quarteto Smythe-Smith, e amei. Ri muito com a Iris (protagonista) e pensando na Iris minha amiga na cena, foi realmente bem divertido ler Os Mistérios de Sir Richard.

Iris Smyth-Smith é muito pálida, tem cílios quase imperceptíveis e passa despercebida na maior parte do tempo, mas se você se dispuser a conhecê-la, vai querê-la como amiga tenho certeza, pois ela é dona de uma personalidade forte, uma língua afiada e a fragilidade feminina passa longe. A falta de características físicas arrebatadoras a primeira vista, fazem com que ela não seja convidada a dançar com frequência, o que permite que ela observe e leia bem as pessoas ao redor com grande facilidade. E é por isso que percebe um determinado cavaleiro olhando para ela durante todo o 19 recital da família, no qual ela tenta sair com rapidez, e é impedida pelo cavaleiro em questão.

Sir Richard Kenworthy é um jovem de 27 anos e  solteiro, o que já o coloca no quesito “qualificado para casar”, e é nesse momento que os jovens fogem, contudo nosso protagonista necessita mesmo se casar, de maneira urgente e sem tempo para uma corte muito adequada, ao chegar no recital, vê em Iris a candidata ideal. No início pouco sabemos dele, além de uma personalidade galante e a óbvia procura de uma noiva.

Sendo nossa protagonista muito observadora, ela sabe que Sir Richard pode até gostar dela, mas não está perdidamente apaixonado como demonstra, no entanto, ele faz de tudo para que ela se apaixone perdidamente por ele. Porém no caminho de conquistar o coração dela, ele talvez perca o dele.

Deixo para vocês duas citações que mostram nossa protagonista melhor do que ela mesma rsrsrs

- Duas! - exclamou ele. - Você vai precisar de duas.- Duas?- Horas - completou ele com firmeza. Não quero sobrecarregá-la. - Olhou para a Sra. Hopkins. - As damas são muito delicadas....Iris seguiu a Sra Hopkins pelo corredor, mas antes que virasse uma esquina, Richard a ouviu dizer.- A senhora se considera delicada?- Não de jeito nenhum, milady.- Bem - disse Iris com a voz áspera -, eu também não. 


Iris inspirou fundo pelo nariz para se controlar. Ela jamais seria o tipo de pessoa que abraça amigos e irmãs desesperados e murmura “Calma, vai ficar tudo certo.”Ela era o tipo de megera bem franca, que irrompia de repente e berrava:- Pelo amor de Deus, Fleur, que diabo há de errado com você?

Os Mistérios de Sir Richard é um livro que vai fazer você rir muito, espero que se divirta tanto quanto eu. Torço para encontrá-los em outros livros da Julia.

Avaliação:
Ficha Técnica
Título: Os Mistérios de Sir Richard
Série: Quarteto Smythe-Smith #4
Autor: Julia Quinn
Editora: Arqueiro
Páginas: 280

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Indomável - Resenha

Oi Povo, tudo bem? Hoje vamos falar de "Indomável", último livro da trilogia "Damas Rebeldes", da autora Julia Quinn, lançado pela Editora Arqueiro. Finalmente cheguei no livro de William Dunford! HAHHAA. Ele aparece nos livros anteriores " Esplêndida " e " Brilhante ", e deixa nós leitores apaixonados e doidos para conhecer ainda mais esse personagem libertino tão charmoso! HAHAHA. Ele fica completamente chocado quando descobre que herdou um título e uma propriedade na Cornualha. Dunford, viaja imediatamente para conhecer a propriedade que ele herdou, o que ele não imaginava é que encontraria uma mulher administrando a propriedade e que ela se tornaria sua responsabilidade junto a herança do título.  "Belle bateu palmas. Que fantástico! Dunford acabara de receber uma herança inesperada. Ela torcia para que fosse algo bom. Uma de suas amigas tinha acabado de herdar, a contragosto, 37 gatos. " Pág: 12. Henrietta Barrett, ou apenas Henry,

Eleanor & Grey - Resenha

Oi Povo, tudo bem? Todo mundo que acompanha o blog sabe que sou mega fã de Brittainy C. Cherry, então quando vi que a caixa do “clube da Carina Rissi” vinha com o livro “Eleanor & Grey" e os marcadores de todos os livros da autora lançado aqui no Brasil, fiquei LOUCA. Graças ao bons Deuses dos livros, a Editora disponibiliza a caixa de maneira avulsa e consegui comprar essa lindeza! Rsrs. Sabe aquele tipo de livro que quando você termina, seus pensamentos são: “Obrigada Deus por eu amar ler! Obrigada por livros assim! Que lição de vida! Que autora maravilhosa!!". Quando terminei mandei uma foto da minha cara inchada de tanto chorar para Helyssa (voocomlivro) e Anastacia (notasliterarias_), falando que não estava sabendo lidar com tantos sentimentos. Eleanor, é uma adolescente que ama ler, não é muito social e ainda usa aparelho nos dentes, essa junção é o bastante para chamarem ela de esquisita ou sorriso metálico. Ela nem liga muito para esses comentários, Eleano