12 de março de 2019

Clube da Luta - Resenha

Bom-dia, boa-tarde, boa-noite aqui quem fala novamente é Tyler Dur… Quer dizer Avelino, e hoje estamos aqui para falar de algo que não deveríamos falar sobre (O clube da luta). Senhoras e senhores a história escrita por Chuck Palahniuk relata como um cidadão certinho completamente ligado ao sistema corporativo e social, e que vai aos poucos quebrando e se tornando um oposto a tudo que ele vivia e acreditava. O livro conta a história do Narrador que é retratado no livro como um viajante sem nome, o mesmo tem uma personalidade calma, mas está passando por alguns problemas de saúde, como por exemplo, insônia (os outros problemas entregariam a história kkk), e acaba se envolvendo com Tyler Durden, um personagem que completamente o oposto do que prega “A Família Tradicional”, é um cara beberrão, odeia os sistemas de governos em geral, para ele ninguém deve ser sugestionado por marcas para comprar algo, poderia dizer que Tyler vai contra tudo que o Narrador costumava acreditar, e conforme o envolvimento dele e de Tyler avançam ambos percebem que se completam. O Narrador e Tyler são os criadores do clube da luta, o clube da luta é um ambiente onde dois homens entram, e praticamente esquecem quem realmente são, e tudo que fazem é lutar até que um fique inconsciente ou desista. Como todo clube o mesmo possui regras, não são muito ortodoxas, mas são regras, e elas são:

    "Você não fala sobre o clube da luta.
    Você não fala sobre o clube da luta.
    Quando alguém diz pare ou fica desacordado mesmo que esteja fingindo, a luta acaba.
    Apenas duas pessoas por luta.
    Uma luta por vez.
    Sem camisa e sem sapatos.
    As lutas duram o quanto tiverem de durar.
    Se for sua primeira noite no clube da luta você tem que lutar."

É claro que ao falar do livro do clube da luta, é impossível não falar sobre filme de 1999, com mesmo nome, é uma das obras mais fiéis ao livro que já vi, é um filme tão incrível quanto o livro, com o Narrador sendo Edward Norton  e Brad Pitt como Tyler Durden. Tudo que posso dizer assistam o filme, leiam o livro, façam tudo possível sobre o clube, e não esqueçam você não fala sobre o clube da luta.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

author
Se você: Cheira livros, se apaixona por personagens, sofre com eles como se fosse alguém da sua família, corre atrás de autógrafos, viaja para outro estado para participar da Bienal do Livro, adora um sebo, procura por eventos literários, entra na livraria para dar um livro de presente e sai com dois para você, então você está no lugar certo!