Pular para o conteúdo principal

A Cantiga dos Pássaros e das Serpentes - Resenha

Oi Povo, tudo bem?
Hoje vamos falar sobre “A Cantiga dos Pássaros e das Serpentes”, sim, voltamos ao mundo louco de “Jogos Vorazes”! Confesso que estava morrendo de medo desse livro, afinal, sou completamente apaixonada pela trilogia. Ficava pensando: “Suzanne, minha querida, porque tu inventou esse livro??”. Rsrs. Porém, apesar destes pensamentos, comprei na pré-venda e fiquei aguardando ansiosamente a sua chega. Comecei a leitura sem pretensão e quando percebi estava completamente envolvida, sem acreditar em tudo que estava acontecendo. É impossível não se envolver completamente com o enredo criado pela autora e, quando terminei, me vi sem saber lidar com os sentimentos criados. Fico imaginando vocês pensando: “Iris, valeu a pena?”.  A resposta é: Sim, valeu muito a pena!! Suzanne mais uma vez mostrou que pode despertar os sentimentos de amor e ódio com uma facilidade que só ela consegue! Rsrs. Sei que muitos vão achar o livro desnecessário, mas eu amei conhecer melhor a história de como os jogos foram criados e sua evolução. Já digo logo que quero mais um livro para entender algumas lacunas que ficaram em aberto. Vamos falar um pouco sobre o enredo?

Logo no começo conhecemos uma Capital completamente diferente daquela bonitona da trilogia. É uma cidade completamente destruída pela guerra que está tentando se reconstruir. Diversas famílias, que antes da guerra tinham status e dinheiro, atualmente passam por grandes dificuldades. Uma dessas famílias tradicionais que está completamente falida é a do Snow.  

“Coriolanus jogou o punhado de repolho na panela de água fervente e jurou que um dia não poria mais aquilo na boca. Mas o dia ainda não era aquele. Ele precisava comer uma tigela grande do alimento pálido e tomar cadas gota do caldo para evitar que seu estômago roncasse durante a cerimônia da colheita.” Pág: 11.

Conhecemos Coriolanus Snow, um adolescente de 18 anos que passa por muitas dificuldades com sua avó e sua prima Tigris, mas eles tentavam a todo custo esconder essa realidade do restante da sociedade. Afinal, eles ainda eram Snow, um dia eles voltariam a ter o poder e a influência que tinha num passado, que parece muito distante para ele e sua prima. Graças ao seu sobrenome, ele ainda teve oportunidade de estudar na Academia, uma escola pública para a alta sociedade da Capital, e tinha a esperança de conseguir fazer uma faculdade com o dinheiro que ganharia ao ser um mentor de sucesso durante o jogos vorazes. Eles eram tão pobres que nem uma roupa descente ele tinha para ir na apresentação do dia da colheita, mas sua prima Tigris, disse que conseguiria e conseguiu uma camisa para ele ir apresentável na cerimônia. Seu humor melhora demais e com isso ele vê uma luz no fim do túnel. Quando chega na Academia, logo o reitor Highbottom começa a apresentar quais mentores ficaram com quais tributos, para o total horror de Snow, ele escuta:

“ - E finalmente, mas não menos importante, a garota do Distrito 12...ela pertence a Coriolanus Snow. “

Para sorte de Snow, a garota do Distrito 12 é Lucy Gray. Durante a colheita fica claro que ela não é qualquer pessoa e com isso a esperança de conseguir um pedaço do prêmio volta com força. O problema é que não será fácil conseguir a confiança dela. A partir daqui não posso contar mais NADA porque poderá ser considerado spoiler gravíssimo!! Mais preciso comentar que vocês precisam prestar atenção nos personagens: Dra.Gaul e Sejanus Plinth. Eles são peças chaves no enredo e podem ter certeza que vão despertar sentimentos contraditórios em vocês! Rsrs.

“Snow cai como a neve, sempre por cima de tudo!”. Pág: 17.

Por favor, leiam e venham conversar comigo! Preciso compartilhar todos esses sentimentos com alguém!! HAHAHA.  

Avaliação:
Ficha Técnica
Título: A Cantiga Dos Pássaros e das Serpentes
Autor: Suzanne Collins
Editora: Rocco
Páginas: 576

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Eleanor & Grey - Resenha

Oi Povo, tudo bem? Todo mundo que acompanha o blog sabe que sou mega fã de Brittainy C. Cherry, então quando vi que a caixa do “clube da Carina Rissi” vinha com o livro “Eleanor & Grey" e os marcadores de todos os livros da autora lançado aqui no Brasil, fiquei LOUCA. Graças ao bons Deuses dos livros, a Editora disponibiliza a caixa de maneira avulsa e consegui comprar essa lindeza! Rsrs. Sabe aquele tipo de livro que quando você termina, seus pensamentos são: “Obrigada Deus por eu amar ler! Obrigada por livros assim! Que lição de vida! Que autora maravilhosa!!". Quando terminei mandei uma foto da minha cara inchada de tanto chorar para Helyssa (voocomlivro) e Anastacia (notasliterarias_), falando que não estava sabendo lidar com tantos sentimentos. Eleanor, é uma adolescente que ama ler, não é muito social e ainda usa aparelho nos dentes, essa junção é o bastante para chamarem ela de esquisita ou sorriso metálico. Ela nem liga muito para esses comentários, Eleano

Talvez Agora - Resenha

  Oi Povo, tudo bem? Hoje vamos falar de "Talvez Agora”, que é continuação de "Talvez um dia” de Colleen Hoover lançado no ano passado pela Galera Record. Sou muito fã da autora e quando terminei “Talvez um dia”  fiquei sem saber o que fazer da vida porque eu não estava acreditando que a história terminava daquela maneira. Fiquei tão revoltada que comprei “Talvez Agora” no lançamento, mas levei meses para criar coragem e voltar para aquele universo. Vocês também são assim? HAHAHA. Espero sinceramente não ser a única!! HAHAHA. Ridge e Sydney, depois de tanto tempo, estão namorando. Sydney finalmente se sentiu segura para começar algo mais com Ridge. Ele por sua vez parece estar nas nuvens porque finalmente eles poderão viver um amor sem culpa e do jeito que sempre sonharam. Porém, isso não significa que tudo vai ocorrer nas mil maravilhas, afinal Ridge e Warren são as únicas pessoas no mundo que Maggie pode contar, e esse detalhe pode mudar tudo.  Maggie sabe que tem fibrose c