O Descompasso Infinito Do Coração - Resenha

15 Comentários A+ a-

Oi Povo,

Hoje vamos falar sobre “O Descompasso Infinito do Coração”, terceiro livro da série “Batidas Perdidas”. Quando li os dois primeiros livros (As Batidas Perdidas Do Coração e A Escolha Perfeita do Coração), fiquei apaixonada pela série, mas esse terceiro livro me surpreendeu de maneira ainda mais positiva.

Nos livro anteriores, fica claro o quanto Bernardo é apaixonado por Clara e como sofre por isso. Apesar de todos acharem que amor dele por ela era coisa de adolescente, ele sabe e tenta esconder que esse amor está mais vivo que nunca. A única pessoa que tem conhecimento que esse amor não acabou é sua melhor amiga Vivi.

“Às vezes eu acho que errei quando te convenci a não invadir a igreja e a pegar o primeiro voo para Londres há sete anos. - Vê-lo admitir isso me me surpreende. - Mas você tinha dezesseis anos na época. Está com vinte e três agora e ainda sente algo por ela...” Pág: 24.
Logo no começo do livro Clara descobre que esta sendo traída pelo marido Mauricio e o coloca para fora de casa. Ela fica completamente destruída e sem saber o que fazer da vida, o que  ela tem certeza é que precisa ficar bem, ou pelo menos fingir para o bem dos gêmeos. Para piorar Clara nunca trabalhou na vida, mas não quer depender financeiramente do marido que a traiu. E como o que é ruim pode ficar pior, ela se olha no espelho e não tem ideia de como conseguiu engordar tanto, ao ponto de simplesmente não se reconhecer mais.

“Achei que eu estava protegida com Maurício. Nunca pensei que sentiria uma dor tão intensa outra vez.” Pág: 9.
O único lado bom é que ela sabe que tem amigos com os quais pode contar. Assim que sabe da traição ela liga para Branca e pede ajuda. Branca com o coração enorme que tem vai direto para casa da amiga para tentar conforta-lá. Logo Bernard, fica sabendo do ocorrido e também corre para ajudar.
Devo dizer que Bernard não se aproveita da fragilidade de Clara em nenhum momento, ele simplesmente age como um lord. Pequena observação: Rafael, que me perdoe, mas me apaixonei perdidamente pelo Bernardo.

“É a mulher que eu quis beijar a vida inteira. A imporância disso me envolve e faz com que eu me perca entre realidade e fantasia. Quantas vezes me imaginei com ela?” Pág: 96 
Bernardo é aquele tipo de pessoa que sabe o que quer e luta por isso. Já Clara até sabe o que quer, mas tem medo de se decepcionar. Com o decorrer do livro descobrimos que ela tem milhões de motivos para se esconder em sua zona de conforto. Não posso falar de todos, pois não quero soltar spoiler, mas um deles é a madrasta dela. Povo, a madrastra dela é com M super maiúsculo, não tenho nem palavras para descrever esse monstro!!

Já tinha comentado nas resenhas dessa série, que um dos pontos altos de Bianca é a qualidade dos personagens secundários e isso se mantém nesse livro. Nele conhecemos com mais detalhes de: Branca, Rodrigo e os pais de Bernardo. Isso sem falar que acompanhamos um pouco da vida de Rafa, Vivi e Pri. Quando todos eles se juntam, a risada é garantida.

Os filhos de Clara estão sofrendo com a separação, e Mauricio não para de insistir que eles devem voltar. Será que Clara irá conseguir vencer seus medos ou voltará para sua zona de conforto? Será que Bernardo irá esperar?

Para finalizar devo dizer que Clara é aquela personagem que cresce tanto no decorrer do livro que ficamos com um orgulho danado. Ahh boa parte desse crescimento se deve a prática do Mahamudra. Confesso que não conhecia, mas fiquei bastante interessada porque não é um “exercício” apenas para o corpo e sim para alma. Pena que Mahamudra não tem no Rio de Janeiro.

“Um estilo de vida, na verdade. Por isso usamos “praticar” em vez de “treinar”. É como eu te disse, estamos nos aprimorando como seres humanos.” Pág: 111.
Avaliação:
Ficha Técnica
Título: O Descompasso Infinito Do Coração
Série: Batidas Perdidas #03
Editora: Verus
Páginas: 406

Eu sou a Iris, não sou a deusa greco/romana das mensagens, mas bem que eu gostaria! Sou pós-graduada em Análise de Sistemas. Adoro minha profissão e tudo que é relacionado a tecnologia, mas meus grandes amores são meus livros e meu super cão Bethoven - O Magnífico. Acho, sinceramente, que a vida não teria graça sem livros. Afinal, viver uma só vida não me bastaria. Não posso esquecer de dizer que adoro uma boa conversa, principalmente se tiver livros no assunto.

15 comentários

comentários
Ruhh Belle
Autor
3 de junho de 2016 11:49 delete

Ooi! Tudo bem?
Eu não gosto da ideia dos livros, mas acho as capas até bonitas. A personagem, nesse livro, passa por uma barra, não é? Mas, fico feliz que você tenha visto o crescimento dela ^-^
Beeijos e parabéns pela resenha.

Responder
avatar
3 de junho de 2016 20:17 delete

Olá!
Ainda não li esse terceiro livro. E fiquei ainda mais ansiosa pelo que há pela frente. Um alívio saber que a personagem está crescendo.
Acompanho a Bianca nas redes e vi qdo ela falou sobre mahamudra e achei muito legal ela ter inserido isso no livro :) ötima resenha.
bjsss

Responder
avatar
4 de junho de 2016 05:47 delete

Olá
Não sou de ler romances românticos, acho bem legal o crescimento da protagonista, dela ter dado um basta no marido traidor coisa e tal, mas não tenho muita paciência para livros cujo foco é a história de amor, ainda mais quando temos que esperar três livro para isso acontecer.
Beijos

www.poyozodance.blogspot.com.br

Responder
avatar
Mari Ramos
Autor
4 de junho de 2016 08:59 delete

Gosto muito desses livros que apresentam um crescimento profundo dos personagens. Acho que até certo ponto acabamos crescendo um pouco também ao longo da leitura.

Tenho horror à traição, mas acho esse assunto muito interessante para ser debatido em livros. O quote sobre segurança que você colocou é perfeito!

Responder
avatar
4 de junho de 2016 09:05 delete

Já ouvi falar dessa série, confesso que não me agradou muito. Mas talvez eu possa dar uma chance e ler essa série nas minhas férias.

Responder
avatar
5 de junho de 2016 12:06 delete

Olá!

Confesso que não tenho vontade de ler esse livro - essa série, aliás - apesar das milhares de resenhas positivas sobre ele. Não sei, acho clichê demais essa premissa. Enfim, não o leria, mas espero que você continue amando a série!

Responder
avatar
5 de junho de 2016 18:27 delete

Oii,

Tenho que dizer que estou bem curiosa para ler o primeiro livro dessa série, ainda mais por ter muitos comentários bem positivos sobre a história. Mas parabéns pela resenha.

beijos

Responder
avatar
5 de junho de 2016 19:43 delete

Oiii Iris, tudo bem?
Infelizmente essa obra não despertou muito meu interesse, ainda mais em saber que é de uma série, já me deixou desmotivada, e outra o gênero não me agrada.
Beijinhos

Responder
avatar
Leticia Golz
Autor
6 de junho de 2016 10:13 delete

Oi, Iris
Que bom que gostou desse volume e que os personagens de certa foram amadureceram. A expectativa quando lemos um próximo volume é sempre essa né.
Uma pena que eu ainda não tenha iniciado essa série, mas tenho muita vontade.

Responder
avatar
6 de junho de 2016 18:22 delete

Eu sou louca para ler os livros dessa série e a cada novo livro da Bianca eu fico ainda mais interessada. Gostei de ver a sua opinião sobre a obra

Responder
avatar
6 de junho de 2016 20:54 delete

O primeiro livro já está na minha lista de desejos faz tempo! Espero poder ler logo! Adoro personagem com crescimento visível, dá um orgulho, parece até que participamos disso, né? Hahah
Beijo

Responder
avatar
Livros & Tal
Autor
8 de junho de 2016 11:02 delete

Oi Iris... pensa em uma pessoa que está doida para ler essa série, mas falta tempo :/
Admiro a Bianca e os seus personagens. Adorei a sua resenha e os quotes que separou.

beijos
Mayara
Livros & Tal

Responder
avatar
Mari Scotti
Autor
8 de junho de 2016 11:50 delete

Acho que eu também iria ficar interessada em fazer Mahamudra hahaha. Eu adoro a Bianca e estpu super curiosa com seus livros. Ainda não consegui ler, mas já tenho o primeiro autografado e espero logo conhecer as histórias e ser mais uma fã no meio de tantas!
Adorei sua resenha!
Beijão, Mari Scotti

Responder
avatar
8 de junho de 2016 20:14 delete

Olá, preciso começar a ler essa série...sua resenha me deixou curiosa.

Abraços

Responder
avatar
Catharina M.
Autor
9 de junho de 2016 10:29 delete

Oie
eu já li todos lançados da série até agora e tenho uma relação meio estranha com a autora pois ás vezes acho que o enredo em geral deixa a desejar por mais que seja uma leitura gostosa. Muito legal sua resenha

Beijos
http://realityofbooks.blogspot.com.br/

Responder
avatar