Pular para o conteúdo principal

Fúria Sombria - Resenha


Oi Povo, tudo bem? 

Hoje vamos falar de "Fúria Sombria", quinto livro da série “Hades Hangmen" da Tillie Cole, lançado pela editora The Gift Box. Quando terminei “Redenção Sombria”, tive que pegar logo esse porque não aguentava de curiosidade para saber o que aconteceu com Phebe. Nos livros anteriores, ela teve um papel super importante para ajudar alguns personagens, então ela não merecia terminar daquela maneira.


Irmã Phebe, nasceu e foi criada na “Ordem de Davi", em momento nenhum da sua vida ela duvidou da sua fé e cumpria com o orgulho o papel que lhe foi dado. Phebe, não poderia se considerar feliz com o seu papel, mas a sua fé lhe trazia a certeza que tudo ficaria bem quando ela fosse para o céu. Ela começou a desconfiar que tinha algo errado com essa "fé” quando viu sua irmã Lilah, ser torturada e quase morta. Naquele momento parecia que a máscara que turvava sua visão caiu, e por isso fez tudo o que fez para ajudar aquele que amava. Quando ela pensou que finalmente poderia ter esperança, foi raptada por Meister.


“ - Ele a encontrou? - Phebe. Uma imagem da ruiva passou pela minha mente. Não que eu não tivesse pensando na cadela sem parar desde que descobrimos sobre seu desaparecimento." Pág 23.

 

AK, não consegue se conformar que a “ruiva” foi raptada por um monstro igual Meister. Quando Ky propõe uma missão de salvamento, ele é o primeiro a se oferecer para ir. O que ele não imaginava é o quão doente é o Meister, e que cidade maldita ele mantinha as mulheres.


Não posso contar mais detalhes, mas devo dizer que Meister é extremamente doente. Sei que a série é chocante com os detalhes do que a seita fazia, mas ele é tão doente quanto o maldito profeta Davi. Phebe, coitada, passa cada coisa que ninguém deveria passar na vida. AK, tem uma história surpreendente escondida debaixo daquele jeito brincalhão. Tillie, consegue mais uma vez surpreender e deixar o leitor ávido por mais. 

Para ler as resenhas dos outros livros da série, basta clicar no título: Prelúdio SombrioCoração Sombrio e Alma Sombria.


Avaliação:
Ficha Técnica
 Título: Fúria Sombria
Série: Hades Hangmen #5
Autor: Tillie Cole
Páginas: 420 
Editora: The Gift Box

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Eleanor & Grey - Resenha

Oi Povo, tudo bem? Todo mundo que acompanha o blog sabe que sou mega fã de Brittainy C. Cherry, então quando vi que a caixa do “clube da Carina Rissi” vinha com o livro “Eleanor & Grey" e os marcadores de todos os livros da autora lançado aqui no Brasil, fiquei LOUCA. Graças ao bons Deuses dos livros, a Editora disponibiliza a caixa de maneira avulsa e consegui comprar essa lindeza! Rsrs. Sabe aquele tipo de livro que quando você termina, seus pensamentos são: “Obrigada Deus por eu amar ler! Obrigada por livros assim! Que lição de vida! Que autora maravilhosa!!". Quando terminei mandei uma foto da minha cara inchada de tanto chorar para Helyssa (voocomlivro) e Anastacia (notasliterarias_), falando que não estava sabendo lidar com tantos sentimentos. Eleanor, é uma adolescente que ama ler, não é muito social e ainda usa aparelho nos dentes, essa junção é o bastante para chamarem ela de esquisita ou sorriso metálico. Ela nem liga muito para esses comentários, Eleano

Long Shot - Resenha

  Oi Povo, tudo bem? Hoje vamos falar de “Long Shot” primeiro livro da série Hoops, da autora Kennedy Ryan, lançado pela Editora The Gift Box. Esse livro mexeu tanto comigo que demorei meses para me sentir segura em escrever essa resenha. A história de August e Iris, é muito surpreendente, mas isso não significa que ela é leve. Minha xará passa por cada situação que nenhum ser humano deveria passar, mas ainda bem que existem pessoas como August. Ele é simplesmente sensacional e ela é uma mulher extremamente forte. Deu para perceber que me encantei pelo casal, né? Rsrs. Iris e August se conhecem num barzinho de um hotel e a conversa dos dois acontece de maneira natural e encantadora, eles acabam conversando sobre assuntos que não assumem para quem conhecem a anos, mas parece que abrir o coração é algo natural entre eles. O problema é que tudo que é bom dura pouco e a noite acaba, e ambos tem que voltar para a vida normal. “Eu fico parado, absorvendo o som de seu nome, absorvendo o olhar